Exercício tem a ver com envelhecimento?

Um estudo publicado agora em janeiro no "American Journal of Epidemiology" afirma que mulheres idosas que permanecem diariamente sentadas ao longo de mais de dez horas e com baixa de atividade física possuem células que são oito anos biologicamente mais velhas que aquelas que são menos sedentárias.

Neste estudo, constatou-se que as mulheres que praticavam menos de 40 minutos de exercício físico moderado a vigoroso diariamente e que permaneciam sedentárias por mais de dez horas diárias tinham telômeros mais curtos (telômeros são as estruturas encontradas nas extremidades das cadeias de DNA que protegem os cromossomas de se deteriorarem e encurtam progressivamente com a idade). Na medida que as células envelhecem, os telômeros ficam naturalmente mais curtos e desgastados, mas a saúde e os fatores do estilo de vida, como a obesidade e o tabagismo, podem acelerar este processo. Estudos anteriores também já haviam associado os telômeros mais curtos ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares, diabetes e alguns tipos de câncer. 

Este estudo sugere que as células envelhecem mais rapidamente quando ocorre um estilo de vida sedentário. Na verdade, a idade cronológica nem sempre corresponde à idade biológica.

Para este estudo, houve a participação de 1.500 mulheres com idades compreendidas entre os 64 e os 95 anos. As mulheres fazem parte de uma Iniciativa da Saúde da Mulher (WHI, sigla em inglês), um estudo nacional e longitudinal que investiga os determinantes das doenças crônicas em mulheres pós-menopáusicas. As mulheres preencheram questionários e utilizaram um acelerômetro no quadril direito, ao longo de sete dias consecutivos durante as horas de vigília e de sono, para monitorizar os seus movimentos.

O estudo apurou que as mulheres que se sentavam durante mais tempo não teriam telômeros mais curtos se praticassem diariamente 30 minutos de exercício físico. 

Em outras palavras, as discussões sobre os benefícios da prática de exercício devem começar na juventude e a atividade física deve continuar a fazer parte da vida quotidiana, até mesmo aos 80 anos. 

Shadyab AH, Macera CA, Shaffer RA, Jain S, Gallo LC, LaMonte MJ, Reiner AP, Kooperberg C, Carty CL, Di C, Manini TM, Hou L, LaCroix AZ. Associations of Accelerometer-Measured and Self-Reported Sedentary Time With Leukocyte Telomere Length in Older Women. Am J Epidemiol. 2017 Jan 18. doi: 10.1093/aje/kww196. [Epub ahead of print] PubMed PMID: 28100466.

 

Tags: artigos, comentados, publicações, cientificas, pesquisas

Classificação Geral (0)

0 de 5 estrelas

Postar comentário

Anexos

Location

Share:
Rate this article :
0
  • Nenhum comentário encontrado

Dicas Importantes

cebola 01Cebola - Contém compostos fenólicos e flavonóides, que são tipos de fitoquímicos que ajudam a prevenir o câncer, limpando as células dos radicais livres que danificam seu organismo e inibindo a produção de substâncias reativas que podem danificar as células normais.

Dr. Renato Riccio

Recomendadas

Tem pessoas que acham que comer sem glúten não tem graça, não tem as mesmas…
O Astragalus é um poderoso modulador imunológico "não-específico". Ao invés de ativar nosso sistema de…
Um estudo publicado agora em janeiro no "American Journal of Epidemiology" afirma que mulheres idosas…
Este estudo sugere que caminhar poderia melhorar a qualidade do sono para pacientes com câncer…
Como costumo abordar o tema, a atividade física é muito importante para o indivíduo normal…
A vitamina C tem uma história bem fragmentada como uma terapia de câncer, mas os…
Quando se está em tratamento para o câncer, como a quimioterapia e radioterapia, muitas vezes…
A diminuição da testosterona nos homens e da progesterona nas mulheres está ligada ao envelhecimento,…
Ao invés da tradicional massa com farinha de trigo e fermento, a receita abaixo leva…
O efeito da luz do sol e a produção de vitamina D já é um…
O consumo de carne vermelha em quantidades superiores àquelas tipicamente recomendadas não afeta os fatores…
Meus pacientes já sabem que eu sou fã de abobrinha. E também sou fã de…
Que tal uma tábua de aperitivos para dar um charme à sua mesa e deixar…
A falta da fibra natural necessária faz com que os microorganismos de nosso intestino comecem…
Um artigo publicado na revista "Cell" sugere que a flora intestinal pode desempenhar um papel…
O estômago está situado na parte superior do abdômen e faz parte do sistema digestivo.…
O consumo de carboidratos tem aumentado nos últimos anos nos países ocidentais, seguindo-se os conselhos…
O óleo essencial de Copaiba é um dos ingredientes antiinflamatórios mais poderosos do planeta. É…
Se eu fosse descrever a glutationa, eu diria que ela é uma molécula muito simples…
Você sabia que o pão de alho pode ser preparado em casa e numa versão…
A sopa anti-inflamatória contém alimentos desintoxicantes: alecrim, cebola, gengibre, inhame e açafrão-da-terra. Todos eles colaboram…
O grande valor deste prato é a cúrcuma, que, segundo estudos científicos, é um ingrediente…
Nas últimas décadas, a manteiga tem sido implicada como uma causa significativa de doença cardíaca. No…
É impressionante como o mundo que nos rodeia está repleto de substâncias naturais que, não…
O óleo essencial de Copaiba é um dos mais promissores novos óleos essenciais anticâncer. Isto é…
Se você está tentando prevenir ou curar um câncer, então deve focar-se em melhorar seu…
Este artigo, retirado do site do "The Thruth About Câncer", e é tão incrivelmente relacionado…
Esta salada é uma maneira deliciosa de usar sua sobra de frango ou peru. Também…
Eu fiz só com alface americana mas vai ser legal misturar rúcula, agrião ou outras…
Que tal uma salada bem tropical e com um sabor extremamente exótico? Vamos lá, então...