Seu sistema imunológico pode ser alterado pela dor crônica

Este trabalho publicado na revista "Scientific Reports" sugere que a dor crônica pode alterar o sistema imunológico por meio de uma reprogramação no funcionamento de genes.

 

Em primeiro lugar vamos entender o conceito de dor crônica: a dor é considerada crônica quando perdura há mais de seis meses. Refrência do artigo:

Massart R, Dymov S, Millecamps M, Suderman M, Gregoire S, Koenigs K, Alvarado S, Tajerian M, Stone LS, Szyf M. Overlapping signatures of chronic pain in the DNA methylation landscape of prefrontal cortex and peripheral T cells. Sci Rep. 2016 Jan 28;6:19615. doi: 10.1038/srep19615. PubMed PMID: 26817950; PubMed Central PMCID: PMC4730199.

Este tipo de dor é uma das causas mais comuns de incapacidade em nível mundial, podendo os seus efeitos físicos e emocionais terem um grande impacto na qualidade de vida dos indivíduos afetados. Infelizmente, ainda nos dias atuais, não existem tratamentos eficazes contra a dor crônica, nem se consegue saber quem vai desenvolver este tipo de dor após uma lesão.

Uma lesão do nervo periférico tem sido associada a alterações funcionais e persistentes no cérebro. Vários tipos de dor crônica têm sido associadas a alterações no córtex pré-frontal (uma região cerebral que desempenha um papel importante nos aspetos sensorias e emocionais da dor crônica). O córtex pré-frontal tem também sido associado a condições que acompanham a dor crônica, tais como ansiedade, depressão e problemas cognitivos. Estudos realizados anteriormente em ratos também já haviam sugerido que os déficits cognitivos e emocionais podem persistir vários meses após danos nervosos. Contudo, ainda não se havia descoberto de que maneira estes efeitos prolongados das lesões contribuíam para a dor crônica.

Neste estudo da Universidade de McGill, no Canadá, os autores decidiram estudar o DNA dos cérebros e dos leucócitos de ratos de forma a investigar uma possível ligação entre a dor crônica e o DNA, ou mecanismos epigenéticos no cérebro. O estudo utilizou um método que mapeou a marcação do DNA através dos grupos metilo. A marcação com grupos metilo é importante para regular a forma como estes genes funcionam. Este tipo de marcação química faz parte de uma área que cresce rapidamente na epigenética, e que envolve modificações que ativam e desativam os genes, reprogramando eficazmente o seu modo de funcionamento.

Bem, acontece que os pesquisadores apuraram que um grande número de genes (algo entre centenas a milhares) estavam marcados com a dor crônica. Verificou-se ainda que a dor crônica alterava a marcação do DNA no cérebro e nos linfócitos T (estes são um tipo de leucócitos que desempenha um papel muito importante na imunidade). Desta forma pode-se considerar as implicações que a dor crônica pode ter em outros sistemas do organismo que não estavam, habitualmente, associados à dor. Estes achados chamam a atenção para o impacto devastador da dor crônica em outras partes do organismo, como é o caso do sistema imunológico.

Isto pode significar que estes achados possam conduzir a novas formas de diagnóstico bem como de tratamento da dor crônica em seres humanos, uma vez que alguns dos genes marcados pela dor crônica podem se tornar alvos de novos medicamentos para a dor.

Eis o PDF do Artigo:

http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4730199/pdf/srep19615.pdf    

Tags: artigos, comentados, publicações, cientificas, pesquisas

Classificação Geral (0)

0 de 5 estrelas

Postar comentário

Anexos

Location

Share:
Rate this article :
0
  • Nenhum comentário encontrado

Dicas Importantes

cebola 01Cebola - Contém compostos fenólicos e flavonóides, que são tipos de fitoquímicos que ajudam a prevenir o câncer, limpando as células dos radicais livres que danificam seu organismo e inibindo a produção de substâncias reativas que podem danificar as células normais.

Dr. Renato Riccio

Recomendadas

Tem pessoas que acham que comer sem glúten não tem graça, não tem as mesmas…
O Astragalus é um poderoso modulador imunológico "não-específico". Ao invés de ativar nosso sistema de…
Um estudo publicado agora em janeiro no "American Journal of Epidemiology" afirma que mulheres idosas…
Este estudo sugere que caminhar poderia melhorar a qualidade do sono para pacientes com câncer…
Como costumo abordar o tema, a atividade física é muito importante para o indivíduo normal…
A vitamina C tem uma história bem fragmentada como uma terapia de câncer, mas os…
Quando se está em tratamento para o câncer, como a quimioterapia e radioterapia, muitas vezes…
A diminuição da testosterona nos homens e da progesterona nas mulheres está ligada ao envelhecimento,…
Ao invés da tradicional massa com farinha de trigo e fermento, a receita abaixo leva…
O efeito da luz do sol e a produção de vitamina D já é um…
O consumo de carne vermelha em quantidades superiores àquelas tipicamente recomendadas não afeta os fatores…
Meus pacientes já sabem que eu sou fã de abobrinha. E também sou fã de…
Que tal uma tábua de aperitivos para dar um charme à sua mesa e deixar…
A falta da fibra natural necessária faz com que os microorganismos de nosso intestino comecem…
Um artigo publicado na revista "Cell" sugere que a flora intestinal pode desempenhar um papel…
O estômago está situado na parte superior do abdômen e faz parte do sistema digestivo.…
O consumo de carboidratos tem aumentado nos últimos anos nos países ocidentais, seguindo-se os conselhos…
O óleo essencial de Copaiba é um dos ingredientes antiinflamatórios mais poderosos do planeta. É…
Se eu fosse descrever a glutationa, eu diria que ela é uma molécula muito simples…
Você sabia que o pão de alho pode ser preparado em casa e numa versão…
A sopa anti-inflamatória contém alimentos desintoxicantes: alecrim, cebola, gengibre, inhame e açafrão-da-terra. Todos eles colaboram…
O grande valor deste prato é a cúrcuma, que, segundo estudos científicos, é um ingrediente…
Nas últimas décadas, a manteiga tem sido implicada como uma causa significativa de doença cardíaca. No…
É impressionante como o mundo que nos rodeia está repleto de substâncias naturais que, não…
O óleo essencial de Copaiba é um dos mais promissores novos óleos essenciais anticâncer. Isto é…
Se você está tentando prevenir ou curar um câncer, então deve focar-se em melhorar seu…
Este artigo, retirado do site do "The Thruth About Câncer", e é tão incrivelmente relacionado…
Esta salada é uma maneira deliciosa de usar sua sobra de frango ou peru. Também…
Eu fiz só com alface americana mas vai ser legal misturar rúcula, agrião ou outras…
Que tal uma salada bem tropical e com um sabor extremamente exótico? Vamos lá, então...