Meu Blog

Dor crônica - novo alvo

O bloqueio de uma proteína que regula o stress pode ajudar a tratar a dor crônica.

Estudos anteriores sugeriram que o stress pode conduzir ou exacerbar a dor crônica, e algumas investigações indicaram que os indivíduos com determinadas variações no gene FKBP51 apresentavam mais dor física após um trauma do que aqueles sem estas variações. Além disso, o gene FKBP51 está associado ao risco de desenvolvimento de doenças psiquiátricas relacionadas ao stress, tais como a depressão maior e o stress pós-traumático.

Maiarù M, Tochiki KK, Cox MB, Annan LV, Bell CG, Feng X, Hausch F, Géranton SM. The stress regulator FKBP51 drives chronic pain by modulating spinal glucocorticoid signaling. Sci Transl Med. 2016 Feb 10;8(325):325ra19. doi: 10.1126/scitranslmed.aab3376. PubMed PMID: 26865567.

Neste estudo, foi averiguado de que forma as variações no gene FKBP51 poderiam contribuir para a dor crônica. Após terem modificado geneticamente ratos para que estes não expressassem a proteína FKBP51, os investigadores verificaram que estes animais apresentavam uma sensibilidade à dor reduzida em resposta a danos nervosos e artrite. A inibição da FKBP51 teve um efeito muito grande nos ratos com dor crônica. Não só bloqueou a dor da lesão sem afetar a resposta normal à dor, como também os tornou mais móveis. Além do mais, não foram encontrados quaisquer efeitos negativos adversos. Posteriormente, os investigadores bloquearam a FKBP51 na medula espinhal de ratos normais com o SAFit2, um composto habitualmente utilizado para tratar os distúrbios de humor e que atua no cérebro reduzindo a ansiedade.

Ao bloquear seletivamente a FKBP51 na espinal medula, os investigadores foram capazes de testar o seu efeito na dor crônica, independentemente do seu impacto no cérebro. O estudo apurou que o SAFit2 foi capaz de aliviar substancialmente a dor crônica nos ratos, o que sugere que este composto pode funcionar como candidato ao desenvolvimento de fármacos.

Por último os investigadores verificaram que uma lesão pode desencadear alterações epigenéticas a longo prazo nos circuitos sensoriais na medula espinhal. Como resultado há um aumento da produção da FKBP51 que contribui para a resposta do organismo à dor.

A FKBP51 no cérebro pode prolongar a resposta ao stress após lesão e descobrimos que também exacerba a resposta à dor. Apesar de ter sido uma vantagem evolutiva na promoção da sobrevivência, atualmente pode conduzir à dor crônica, depressão e stress pós-traumáticos.

A dor crônica afeta um em cada cinco adultos no mundo inteiro e atualmente não existem tratamentos eficazes. Os investigadores ficaram muito entusiasmados por ter identificado um novo alvo terapêutico, apesar de requerer mais estudos.    

Tags: blog, meu blog, medicina, funcional, integrativa

Classificação Geral (0)

0 de 5 estrelas

Postar comentário

Anexos

Location

Share:
Rate this article :
0
  • Nenhum comentário encontrado

Dicas Importantes

ASPARGOAspargos - São um potente antioxidante, anti-fúngico e anti-viral. Também é um diurético natural eficaz e equilibra os níveis de insulina no organismo.

Dr. Renato Riccio

Recomendadas

Tem pessoas que acham que comer sem glúten não tem graça, não tem as mesmas…
O Astragalus é um poderoso modulador imunológico "não-específico". Ao invés de ativar nosso sistema de…
Um estudo publicado agora em janeiro no "American Journal of Epidemiology" afirma que mulheres idosas…
Este estudo sugere que caminhar poderia melhorar a qualidade do sono para pacientes com câncer…
Como costumo abordar o tema, a atividade física é muito importante para o indivíduo normal…
A vitamina C tem uma história bem fragmentada como uma terapia de câncer, mas os…
Quando se está em tratamento para o câncer, como a quimioterapia e radioterapia, muitas vezes…
A diminuição da testosterona nos homens e da progesterona nas mulheres está ligada ao envelhecimento,…
Ao invés da tradicional massa com farinha de trigo e fermento, a receita abaixo leva…
O efeito da luz do sol e a produção de vitamina D já é um…
O consumo de carne vermelha em quantidades superiores àquelas tipicamente recomendadas não afeta os fatores…
Meus pacientes já sabem que eu sou fã de abobrinha. E também sou fã de…
Que tal uma tábua de aperitivos para dar um charme à sua mesa e deixar…
A falta da fibra natural necessária faz com que os microorganismos de nosso intestino comecem…
Um artigo publicado na revista "Cell" sugere que a flora intestinal pode desempenhar um papel…
O estômago está situado na parte superior do abdômen e faz parte do sistema digestivo.…
O consumo de carboidratos tem aumentado nos últimos anos nos países ocidentais, seguindo-se os conselhos…
O óleo essencial de Copaiba é um dos ingredientes antiinflamatórios mais poderosos do planeta. É…
Se eu fosse descrever a glutationa, eu diria que ela é uma molécula muito simples…
Você sabia que o pão de alho pode ser preparado em casa e numa versão…
A sopa anti-inflamatória contém alimentos desintoxicantes: alecrim, cebola, gengibre, inhame e açafrão-da-terra. Todos eles colaboram…
O grande valor deste prato é a cúrcuma, que, segundo estudos científicos, é um ingrediente…
Nas últimas décadas, a manteiga tem sido implicada como uma causa significativa de doença cardíaca. No…
É impressionante como o mundo que nos rodeia está repleto de substâncias naturais que, não…
O óleo essencial de Copaiba é um dos mais promissores novos óleos essenciais anticâncer. Isto é…
Se você está tentando prevenir ou curar um câncer, então deve focar-se em melhorar seu…
Este artigo, retirado do site do "The Thruth About Câncer", e é tão incrivelmente relacionado…
Esta salada é uma maneira deliciosa de usar sua sobra de frango ou peru. Também…
Eu fiz só com alface americana mas vai ser legal misturar rúcula, agrião ou outras…
Que tal uma salada bem tropical e com um sabor extremamente exótico? Vamos lá, então...